Sermão do Salmo 13 – Esboço de Pregação

O Salmo 13 para o mestre de musica. Salmo davídico.

Esboço de pregação do Salmo 13:1-2

Até quando me esquecerás, SENHOR? para sempre? até quando esconderás de mim o teu rosto? Por quanto tempo devo seguir conselhos em minha alma, tendo tristeza em meu coração diariamente? até quando o meu inimigo será exaltado sobre mim? (Salmos 13:1-2)

Quando você e eu temos que apresentar nossas queixas diante de Deus, não somos os primeiros a fazê-lo. Quando reclamamos que Deus nos abandonou, não estamos sozinhos. Houve um maior que Davi que, mesmo no artigo da morte, clamou: “Meu Deus, meu Deus, por que me abandonaste?”

Esboço de pregação do Salmo 13:3

Considera e ouve-me, SENHOR, meu Deus; ilumina os meus olhos, para que eu não durma o sono da morte (Salmos 13:3)

Quando está escuro, muito escuro, ficamos sonolentos. A tristeza induz o sono. Lembre-se de como o Salvador encontrou os discípulos dormindo de tristeza. Portanto, Davi pede luz. A luz o ajudará a ficar acordado, e ele tem medo de dormir, e ora: “Ilumine meus olhos, para que eu não durma o sono da morte”.

Esboço de pregação do Salmo 13:4-5

Para que o meu inimigo não diga: prevaleci contra ele; e aqueles que me perturbam se alegram quando me comove (Salmos 13:4-5)

Mas que precioso “mas” é este! Você pode ouvir o barulho da corrente quando a âncora desce para segurar o navio.

Esboço de pregação do Salmo 13:5-6

Eu confiei na tua misericórdia; meu coração se regozijará em tua salvação. Eu cantarei ao SENHOR, porque ele me falou em abundância (Salmos 13:5-6)

Que escalada há, neste Salmo, do abismo da tristeza até o cume da alegria. “Cantarei ao Senhor porque ele me falou em abundância”. Espero que muitos de nós saibam o que essa mudança abençoada significa. Se algum de vocês estiver em grande tristeza hoje à noite, que meu Senhor e Mestre ilumine seus olhos.

Esta exposição consistia em leituras dos Salmos 12, 13 e 14.

Fonte e autor: Salmo 13 traduzido e adaptado de The Treasury of David (O Tesouro de Davi), por C. H. Spurgeon.

Veja também:
Close