A História de Josué – Esboço de Pregação

A história de Josué é uma das mais conhecidas da Bíblia. Ele ficou no lugar de Moisés como líder dos israelitas. Josué era filho de Num, da Tribo de Efraim. Josué era originalmente chamado de Oseias, que significa “salvação”, porém ele teve seu nome mudado por Moisés para Josué, “Javé salva”, na terra de Caldes.

Essa mudança de nome seguia uma prática hebreia e semítica. Isto era feito a fim de confirmar a mudança de posição ou destino de alguém. Moisés, sob a ação do Espírito de Deus, mudou o nome do primogênito da tribo de Efraim. Isto então significava a mudança de função e responsabilidade de Josué diante de Deus e do povo de Israel.

Leia também: quem foi Oseias na Bíblia?

Josué e Moisés

Josué foi o sucessor de Moisés, ele liderou o povo de Israel rumo a conquista de Canaã. Josué comandou os israelitas na conquista da cidade de Jericó, e também organizou a Terra Prometida para ser dividida entre as doze tribos. Antes, ele foi o ajudante de Moisés durante o êxodo dos israelitas do Egito nos 40 anos de peregrinação pelo deserto do Sinai.

Moisés quando subiu ao monte Sinai, onde Deus daria a ele os Dez Mandamentos, Josué estava com ele. Ele aprendeu com Moisés a ser um bom líder, fiel a Deus. Mas desde cedo, ele também se destacava em suas habilidades militares. A prova disto é que na primeira batalha dos israelitas, ele liderou o exército depois de saírem do Egito. No deserto, Josué teve vitória contra os amalequitas.

Josué e Calebe foram até à fronteira de Canaã e espiaram a terra. Quando voltaram, disseram ao povo que a terra que eles espiaram era muito boa. Eles lembraram que se o Senhor se agradasse deles, então os colocaria nessa terra, onde emana leite e mel. Os israelitas deveriam ser obedientes ao Senhor. Também não deveriam temer o povo daquela terra, pois o Senhor era com eles.

Josué foi declarado por Moisés como seu sucessor, pois Moisés estava perto de sua morte. Ele colocou as mãos sobre Josué, e então ele foi cheio do Espírito Santo de Deus, e todo o povo viu e reconheceu a Josué como líder.

A liderança de Josué

Após a morte de Moisés, Josué liderou o povo até a conquista da terra de Canaã. A primeira grande conquista sob sua liderança foi a terra de Jericó. E sucedeu que Josué, e todo o povo, atravessaram o Rio Jordão em terra seca, pois Deus havia parado as águas.

Os israelitas marcharam por sete dias ao redor de Jericó. No sétimo dia, enquanto eles marchavam, os muros de Jericó caíram e os israelitas destruíram a cidade.

Nenhum dos inimigos de Josué resistia a ele, pois Deus lhe dava vitória nas batalhas. Diante de tantas conquistas, o povo de Gibeão resolveu enganar Josué para se salvar. Aquele povo conseguiu convencer a Josué de que eles eram de uma terra muito distante e acabaram fazendo um acordo de paz com ele.

Então Josué não matou o povo de Gibeão, pois ele havia feito uma promessa. Mas mas mesmo não tendo sido destruído, o povo de Gibeão se tornou servos dos israelitas.

Um grupo de amorreus, viram que Josué era famoso e vitorioso nas batalhas. Então eles resolveram se unir e atacar Josué. Mas Josué, durante a batalha, orou a Deus e aconteceu um grande milagre. Deus fez o Sol parar! Então os israelitas foram vitoriosos, de forma grandiosa.

Josué após muitas batalhas e vitórias, decidiu reunir o povo e dividi-los entre as tribos de Israel. A partir dali, cada tribo ficou responsável por combater os inimigos de sua região. Josué sempre os alertou para se manterem fiéis a Deus. Josué viveu até os 110 anos de idade.

[ads1]

Mais sobre:
Close