Estudo sobre a parábola das coisas novas e velhas

A parábola das coisas novas e velhas foi pronunciada por Jesus para finalizar seu importante ensino acerca do reino dos céus. No capítulo 13 do Evangelho de Mateus Jesus pronunciou uma série de parábolas acerca do reino antes de partir para Nazaré, sua cidade natal.

Primeiramente Ele falou à multidão, depois particularmente aos discípulos. Quando pronunciou essa parábola, apenas seus discípulos estavam presentes. Algumas pessoas nem consideram essa pequena parábola como sendo realmente uma parábola, mas apenas um tipo de analogia.

De qualquer maneira, é inegável que essa pequena frase possui elementos parabólicos. O texto bíblico da parábola é o que segue:

E ele disse-lhes: Por isso, todo escriba instruído acerca do Reino dos céus é semelhante a um pai de família que tira do seu tesouro coisas novas e velhas (Mateus 13:52).

Significado da parábola das coisas novas e velhas

Jesus havia acabado de perguntar aos discípulos se eles tinham compreendido seu ensino através das parábolas anteriores (Ele já havia contado uma série de sete parábolas). Os discípulos responderam que sim. Jesus então disse a eles que “todo escriba versado no reino dos céus é semelhante a um pai de família que tira do seu depósito coisas novas e coisas velhas”.

Leia também: estudo sobre a parábola do joio e do tribo.

Isso significa que seus discípulos deveriam se tornar mestres que compartilhariam o tesouro que receberam, assim como um pai de família hospitaleiro tira de seu depósito coisas novas e coisas velhas. As coisas velhas significam a compreensão da antiga história da redenção que testificam de Cristo como sendo Ele o Messias prometido, e as coisas novas significam os novos ensinos que transmitidos da parte do Senhor Jesus acerca dos atos redentores que caracterizam a presença do reino de Deus.

Veja também: estudos e pregações sobre as parábolas de Jesus.

O significado dessa pequena parábola nos mostra que não é correto desprezar os velhos ensinos e nem os novos, pois um deve ser interpretado à luz do outro!

Esse ensino de Jesus sobre as coisas novas e velhas não ficou restrito apenas ao grupo dos apóstolos do Senhor Jesus, mas é uma importante lição para todo cristão verdadeiro que está empenhado no trabalho na obra do Senhor.

Veja também:
Mais sobre:
Close