Estudo sobre Ezequiel – Quem foi o profeta Ezequiel?

Ezequiel era um sacerdote, filho de Buzi. Ezequiel foi um dos maiores profetas israelitas. Ele foi chamado por Deus para profetizar durante o exílio do povo judeu na Babilônia. O profeta alertou o povo de Jerusalém sobre sua destruição, mas também profetizou que no fim o povo de Deus seria restaurado.

A história de Ezequiel

Quando o rei Nabucodonosor tomou Jerusalém, o profeta Ezequiel foi levado cativo para Babilônia. A bíblia não menciona, mas provavelmente nessa época Ezequiel tinha 25 anos.

Ezequiel era casado, porem sua esposa faleceu de forma repentina durante seu exílio. Isso aconteceu pouco antes de Jerusalém ser destruída pela Babilônia. Porem a morte da esposa de Ezequiel foi anunciada por Deus, mas Ezequiel foi proibido de se lamentar pela morte de sua esposa e também foi proibido de executar qualquer ritual relacionado ao seu luto. (Ezequiel (24:15-17)

Ezequiel quando foi levado cativo se estabeleceu junto ao rio Quebar. Após viver exilado por 5 anos ele recebeu seu chamado profético. Nessa época provavelmente ele já tinha 30 anos.

Ele me disse: “Filho do homem, fique de pé, que eu vou falar com você”. Enquanto ele falava, o Espírito entrou em mime me pôs de pé, e ouvi aquele que me falava. Ele disse: Filho do homem, vou enviá-los aos israelitas, nação rebelde que se revoltou contra mim: até hoje eles e os seus antepassados têm se revoltado contra mim”.(Ezequiel 2:1-3)

Ezequiel teve uma visão e foi chamado para ser profeta e foi levado por Deus para profetizar contra a nação dos israelitas, nação que era rebelde e contra Deus.

 O Ministério profético de Ezequiel

Então Ezequiel começou a profetizar, mas vários outros profetas haviam profetizado sobre a restauração de Israel, porém a mensagem que Ezequiel trazia não era de restauração, mas sim de destruição e condenação advinda pela ocasião do cativeiro, mas os israelitas continuavam no pecado, por isso Jerusalém seria julgada e punida.

O grande propósito das mensagens de Ezequiel era para incentivar o povo a permanecer fieis a Deus, pois passado o julgamento Deus haveria de conduzir o povo novamente a sua terra. Ele traria novamente os tempos de glória para Jerusalém e para seu povo.

Ezequiel foi um exemplo vivo usado por Deus para falar com o povo israelita. A mensagem passada por Ezequiel tem muitos elementos simbólicos. Por ordem de Deus o profeta Ezequiel vários símbolos para ilustra o que iria acontecer.

Leia também: história do profeta Daniel

Simbologia usada pelo profeta Ezequiel

O profeta Ezequiel construiu uma miniatura da cidade de Jerusalém e ao redor dela colocou muros, com isso ele queria mostrar que a cidade seria dominada. Ele também fez racionamento de comida, simbolizando a falta de comida que viria durante esse período que a cidade seria tomada. Além da simbologia, o profeta Ezequiel também usou provérbios e parábolas para falar ao povo.

No início do seu ministério, as mensagens do profeta Ezequiel não eram bem recebidas, porém, com o tempo, o profeta foi sendo identificado e teve uma posição mais honrosa. Mas o profeta Ezequiel já havia sido avisado por Deus. Deus havia falado que o povo de Israel não lhe daria ouvidos, pois os próprios judeus não queriam ouvir a Deus, por isso Deus disse a Ezequiel que o fortaleceria contra o povo.

Na historia de Ezequiel podemos ver que ele não teve uma vida fácil. Muitas de suas mensagens eram de julgamento e condenação por parte de Deus e o povo não queria aceitar o que ele dizia. Mas Ezequiel se manteve fiel e forte na presença de Deus e obedeceu tudo o que Deus lhe mandou fazer. Ele não deixou de pregar arrependimento para o povo.

Leia também: Sadraque, Mesaque e Abedenego: os três jovens na fornalha

O fim do ministério profético de Ezequiel

Não sabemos nada sobre a morte do profeta Ezequiel, pois a bíblia não relata nada sobre sua morte, porem sabemos que seu ministério durou aproximadamente 23 anos. Podemos considerar que se ele foi chamado por Deus aos 30 anos para iniciar seu ministério profético, ele viveu um pouco mais que 50 anos.

Ezequiel não é mencionado em nenhum outro livro do Antigo Testamento, e também não é citado diretamente nos livros do Novo Testamento. Mas muitas de suas visões servem de base para o simbolismo existente no livro Apocalipse no Novo Testamento.

Veja também:
Close